Hospital Público Galileu volta a atender casos de Covid-19

Unidade terá 60 leitos exclusivos para a doença e receberá pacientes encaminhados via regulação estadual

O Hospital Público Estadual Galileu (HPEG), localizado em Belém, prestará atendimento aos casos de Covid-19 a partir desta terça-feira, 16. A unidade, que pertence ao Governo do Pará, e gerenciada pela Pró-Saúde, disponibilizará 10 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 50 leitos de enfermaria.

O HPEG manterá o seu perfil assistencial, voltado para traumas ortopédicos, com a suspensão das cirurgias eletivas, conforme decreto do Estado.

“A demanda de atendimentos será recebida de forma ordenada, por meio da Central de Regulação do governo. Assim como antes, nossos profissionais estão aptos para proporcionar o atendimento preconizado e de forma humanizada aos pacientes, tendo como objetivo principal o restabelecimento de sua saúde”, ressalta o diretor hospitalar Thiago Zaché.

No ano passado, entre os meses de abril e junho, o HPEG passou a atender de forma exclusiva os pacientes com o novo coronavírus. A unidade precisou adaptar a sua estrutura física e promover novos treinamentos junto aos profissionais de saúde.

Para a enfermeira Daniela Pontes, que atua na UTI do Hospital Galileu, passar novamente por essa experiência irá fortalecer ainda mais o vínculo entre as equipes. “Sabemos que o desafio será grande. Mas, com o suporte oferecido pela unidade, paramentação adequada e treinamentos, iremos superar mais uma vez”, comenta a profissional.

Durante os dois meses de atendimento exclusivo no ano passado, 94 leitos clínicos e 10 de UTI foram disponibilizados. No total, 193 pacientes com a Covid-19 receberam atendimento na unidade, onde mais de 200 profissionais de saúde estavam à frente da assistência.