Galileu forma primeira turma do curso de cuidador de idoso

ntusiasmo, esperança e gratidão. Estas foram as palavras que definiram o sentimento da dona Maria Regina Silva, de 54 anos, ao receber o certificado do curso de cuidador de idoso, ofertado pelo Hospital Público Estadual Galileu, em Belém. “Procurei o curso para adquirir conhecimento, porém, hoje eu saio daqui com a perspectiva de vida renovada, muito feliz e com muita expectativa de colocar em prática tudo o que aprendi durante esses dias”, comemora.

Atualmente, dona Maria Regina encontra-se desempregada, e um dos motivos que lhe despertou interesse no curso foi esse, além de ter afinidade com a profissão. “Quando minha mãe adoeceu, eu cuidei dela, e quando eu soube do curso me empolguei para fazer, se Deus quiser agora com o certificado, eu vou conseguir unir o útil ao agradável”, relata.

Quem também finalizou o curso com outra visão, foi a cuidadora Maria Francinete, que já trabalha na área e buscou a qualificação para aprimorar seus conhecimentos. “Com certeza, superou todas as expectativas depositadas. Vim para cá achando que seriam apenas conhecimentos básicos, mas não, foi muito além do que eu imaginava. Foi muito proveitoso”, relata a cuidadora, que pretende se aprimorar cada vez mais. “Com certeza vou investir mais nessa área, fazer outros cursos e me especializar cada vez mais”, diz. Francinete já trabalha como cuidadora voluntária em um abrigo e também em casa particular.

Segundo o diretor-geral do hospital, Saulo Mengarda, a iniciativa faz parte do programa de Sustentabilidade do hospital, que tem como pilar a Responsabilidade Social. “Nosso objetivo foi aproximar a comunidade do hospital, e ofertar a eles o que há de mais valioso no ser humano, o conhecimento”, relata.

Gerenciado pela Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, sob contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), o Hospital Galileu irá ofertar a segunda turma do curso para cuidadores de idosos, que teve mais de 2700 inscritos, está prevista para iniciar em março. A triagem dos candidatos será feita entre os já inscritos.