Pró-Saúde conquista dois prêmios de Gestão de Pessoas no Pará

---FOTO UCHOA SILVA

Pelo segundo ano consecutivo, a Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar ficou entre as três melhores empresas para se trabalhar no Estado do Pará pelo trabalho desenvolvido na gestão do Hospital Público Estadual Galileu (HPEG), em Belém (PA). O reconhecimento foi entregue à entidade na noite de terça-feira, 27/3, na Estação das Docas, pelo Prêmio Prazer em Trabalhar, que reconheceu ainda a Pró-Saúde como a entidade com as melhores ferramentas implantadas de Gestão de Pessoas, pelo qual recebeu o Prêmio Holos.

O diretor de Gestão de Pessoas da Pró-Saúde, Jocelmo Pablo Mews, recebeu o prêmio em nome da entidade e ressaltou o bom trabalho desempenhado pelo Hospital Galileu, no Pará. “Este prêmio é muito importante para a instituição, porque revela que a instituição está preocupada principalmente com o seu usuário. Quando você tem alegria em poder trabalhar e desempenhar a sua função, você presta um serviço de qualidade, com humanização, e é isso que a gente busca na Pró-Saúde, um serviço de qualidade e que valorize as pessoas”, afirmou.

O Prêmio Prazer em Trabalhar está em sua 11ª edição e é realizado pela empresa Gestor Consultoria, em parceria com o Jornal Diário do Pará. Os critérios de avaliação da pesquisa Prazer em Trabalhar, que dá nome ao prêmio, identificam as políticas e práticas na área de gestão de pessoas, nos quais são avaliados pontos como práticas de recrutamento e seleção, treinamento e desenvolvimento, comunicação, remuneração, desempenho, desligamento, liderança, gestão de clima, responsabilidade social e papel estratégico do Recursos Humanos (RH). O Hospital Galileu passou pela pesquisa no último dia 8 de março.

“Sabemos que a política salarial e de benefícios do mercado são agressivas, e nós temos que procurar ferramentas criativas e que fortaleçam esse vínculo do colaborador com a unidade para que cada vez mais tenhamos colaboradores engajados”, destacou o diretor-geral da Pró-Saúde no Hospital Galileu, Saulo Mengarda.

De acordo com Mengarda, a conquista do prêmio Holos, pelas melhores ferramentas implantadas de Gestão de Pessoas no Estado, também foi uma conquista significativa e que demonstra que o trabalho da entidade está trazendo resultados. “Esse prêmio solidifica o que estamos executando no dia a dia, demonstra que continuamos no caminho certo, que temos o que evoluir sim. Porém, que o caminho está sendo traçado”, declarou.

Projetos e iniciativas

Gerido pela Pró-Saúde desde a sua inauguração, em abril de 2014, por meio de contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), o Hospital Público Estadual Galileu desenvolve diversos projetos e iniciativas voltados para o colaborador.

Entre os principais, estão o programa de qualificação e capacitação profissional; o projeto cuidando de quem cuida, voltado exclusivamente para o bem estar dos colaboradores; o Açaí com o Diretor, que trata-se de um momento de conversa entre diretor e colaboradores em busca de melhorias; a comemoração dos aniversariantes do mês; folga no aniversário; entre outros.

A supervisora de Recursos Humanos da unidade, Léa Azevedo, destacou que as diversas ferramentas de gestão de pessoas implantadas na empresa são uma realidade, utilizadas na prática, e que os maiores beneficiados são os colaboradores. “O nosso capital humano é o nosso maior valor, se a gente não olhar para ele com esse cuidado, com essa valorização, a gente não terá o retorno almejado. E já que o Hospital Galileu é um hospital humanizado, a gente precisa ter esse conceito de humanização em todas as nossas práticas”, declarou.